19 de abril de 2020

Recife: Escândalo de celulares no governo Geraldo Júlio na mídia nacional


O Ministério Público de Contas de Pernambuco pediu à Justiça que suspenda a compra da Prefeitura de Recife de R$ 1,6 milhão em celulares.
Os smartphones seriam entregues para 2,5 mil alunos do 9º ano da rede municipal de ensino. A compra, por dispensa de licitação, foi pedida pela Secretaria de Educação, para viabilizar aulas a distância.
Conforme relatado, o secretário municipal disse que a compra emergencial é para reduzir as desigualdades sociais. Com a devida vênia, não é o momento de fazer uma despesa milionária com celulares, no meio da pandemia de coronavírus, para ‘reduzir desigualdades sociais’. As desigualdades sociais são históricas e o momento da pandemia não é o mais adequado para tentar fazer esta mitigação”, disse o promotor Cristiano Pimentel.
Na ação, Pimentel avalia que os recursos podem ser melhor utilizados.
Sem querer substituir o gestor, existindo estes recursos milionários disponíveis na educação do Recife, para o enfrentamento do covid-19, eles poderiam ser empregados de uma forma que dessem resultados mais imediatos e sensíveis para a saúde dos alunos. Não, certamente, na compra de smartphones.
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

Quem somos

O Tribuna Belmontense é um blog de divulgação de notícias locais e regionais sobre os mais diversos assuntos de interesse geral.

Agradecemos sua visita. Volte Sempre :)

Twitter

Copyright © Tribuna Belmontense - São José do Belmonte - PE

Design por