29 de janeiro de 2020

Beneficiários do Bolsa Família já podem consultar quanto vão receber na 13º parcela do programa estadual


Secretaria de Desenvolvimento Social, Criança e Juventude disponibiliza canal de consulta através do seu site, onde é possível saber valor que será recebido

Com a proximidade do pagamento do primeiro grupo beneficiário do programa Décimo Terceiro do Bolsa Família de Pernambuco, a Secretaria de Desenvolvimento Social, Criança e Juventude já está disponibilizando uma plataforma para que os participantes do programa possam conferir quanto irão receber do benefício estadual. O acesso é rápido e demanda apenas o Número de Identificação Social (NIS), que pode ser conferido nos cartões do Bolsa Família, e a data do nascimento do titular do benefício. O link de acesso é o http://www.sdscj.pe.gov.br/web/sedsdh.

No espaço, será possível saber quanto o beneficiário acumulou em notas fiscais entre março de 2019 e 31 de janeiro de 2020, data de apuração das notas fiscais para quem recebe abaixo de R$ 150,00, valor máximo do benefício. “Se, por exemplo, um usuário que teria direito a R$ 89,00 tenha feito compras dando o seu número do CPF para inclusão na nota fiscal é possível que ele tenha atingido o valor máximo da parcela, aumentando seu 13º. Essa foi a maneira estabelecida pelo governador Paulo Câmara para que toda a população tenha possibilidade de receber o limite do programa estadual, injetando na economia mais recursos. Destaco, ainda, que quem já recebe R$ 150,00 ou mais já tem o valor máximo garantido, não necessitando acumular notas fiscais”, afirma o secretário de Desenvolvimento Social, Criança e Juventude, Sileno Guedes.

Em Pernambuco, 14 mil estabelecimentos são credenciados com nota fiscal eletrônica. O reembolso pode chegar a até 5% do valor total das compras com a aquisição de itens de alimentação, medicamentos, material de higiene pessoal, material de limpeza, vestuário, calçado e gás de cozinha, não ultrapassando o limite de R$ 150,00.

Somente o ano passado, a Secretaria de Desenvolvimento Social, Criança e Juventude visitou 145 municípios para repassar as orientações à população beneficiária. O primeiro grupo de beneficiários, que faz aniversário nos meses de janeiro, fevereiro, março e abril, vai receber a parcela já no próximo mês de fevereiro.

Datas dos pagamentos

O pagamento do 13º do Bolsa Família pelo governo de Pernambuco será feito em grupos, divididos entre os meses de fevereiro, março e abril de 2020, segundo o secretário estadual de Desenvolvimento Social, Criança e Juventude Sileno Guedes. A divisão dos grupos é quadrimestral, de acordo com a data de nascimento dos beneficiários.

O programa, que foi promessa de campanha do governador Paulo Câmara, durante o período eleitoral, em 2018, foi lançado oficialmente pelo governo estadual no dia 4 de abril de 2019, em cerimônia no Centro de Convenções, em Olinda. Atualmente, 1.178.450 famílias são atendidas pelo Bolsa Família, o equivalente a 35% da população do estado, segundo o governo.

Quem nasceu entre janeiro e abril, deve receber o benefício em fevereiro de 2020. Já os nascidos entre maio e agosto, receberão em março, enquanto os que nasceram nos últimos quatro meses do ano, terão o dinheiro depositado em abril.

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

Quem somos

O Tribuna Belmontense é um blog de divulgação de notícias locais e regionais sobre os mais diversos assuntos de interesse geral.

Agradecemos sua visita. Volte Sempre :)

Twitter

Copyright © Tribuna Belmontense - São José do Belmonte - PE

Design por