22 de março de 2017

Comerciantes de Serra Talhada se revoltam contra aumento abusivo de taxas e criticam prefeitura

Os comerciantes de Serra Talhada tiveram um susto ao receberem os alvará de funcionamento dos seus negócios, devido aumentos de mais de 100% nas taxas em um ano.


Do Farol

O micro-empresário Wellington Bezerra, de 35 anos, proprietário de uma loja de móveis localizada na rua Fiscal Leopoldo, do bairro São Cristóvão, relatou que em 2016 o seu alvará estava em R$ 253,91 e em um ano o valor subiu para R$ 589,90.

“Recebi a notícia de que o meu alvará sofreu um reajuste de 132% de 2016 para 2017. Ou seja, ano passado paguei R$ 253,91 para ter o direito de abrir as portas do meu estabelecimento comercial. Hoje recebi a taxa de 2017 com o valor a ser pago de R$ 589,90. Gostaria só que alguém do setor me informasse, de onde veio tal aumento? Temos que tapar os rombos dos cofres públicos sozinhos? Pequenos empresários, nos unamos! Isso é vergonhoso”.

Wellington afirmou que procurou a prefeitura e foi orientado a consultar uma contadora para avaliar o valor. “A contadora vai mandar um relatório para a prefeitura e irão baixar o valor. Só tomaram essa posição porque fui atrás, do contrário teria que pagar o valor absurdo”, finalizou.

OUTRO LADO

A reportagem do Farol entrou em contato com a secretária de Finanças, Cibelli Alves, para comentar o caso. Segundo ela, o ‘tarifaço’ é de responsabilidade da Delegacia Municipal de Tributos (DMT) que ficou de enviar uma nota à redação explicando o reajuste, mas nada chegou até o fechamento desta edição.

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

Quem somos

O Tribuna Belmontense é um blog de divulgação de notícias locais e regionais sobre os mais diversos assuntos de interesse geral.

Agradecemos sua visita. Volte Sempre :)

Twitter

Copyright © Tribuna Belmontense - São José do Belmonte - PE

Design por