4 de dezembro de 2015

Dilma ainda não perdeu

 blogs de sao jose do Belmonte, noticias de sao Jose do belmonte, politica de sao Jose do belmonte, tribuna belmontense, tribuna belmonte,
Vinicius Mota - Folha de S.Paulo

A presidente Dilma Rousseff realizou na noite da quarta-feira (2) um domelhores discursos de seu mandato. Concisa, solene, dura e direta, a fala destoou do padrão confuso e tartamudeante que marca a oratória presidencial.

Não há em mim nenhuma nódoa de corrupção, o que me diferencia do chantagista que deflagrou o impeachment e de tantos outros que tombam diante das leis penais. Eis o mote da intervenção de Dilma, que meneia como trunfo indiscutível a sua honra até aqui impoluta.

A presidente lembra, e deverá enfatizar diariamente, que defenestrá-la não será como depor um desacreditado Collor de Mello. É real o risco de afastar alguém incorrupto e dar lugar a um vice sobre quem a Lava Jato ainda poderá trazer surpresas.

A presidente vai cair, entretanto, se circunscrever a sua defesa ao aspecto ético e biográfico. Será deposta, e depressa, caso centre fogo no presidente da Câmara, a esta altura uma nota de rodapé da história, um cadáver político que queimou seu último cartucho antes de ser empurrado para o precipício.

Para evitar o desfecho humilhante, Dilma precisa entender a natureza do jogo que acaba de começar. Não se trata de obter na Câmara os 171 votos -ironicamente, o número do artigo que no Código Penal tipifica o estelionato- suficientes para mantê-la no Planalto. Nenhuma reforma tradicional de ministérios, com distribuição de cargos e da raspa do tacho do Tesouro em troca de apoio vai salvar o pescoço presidencial.

Essa lógica mesquinha colocou em importantes ministérios algumas figuras cavernosas da baixíssima oligarquia. Alimentou, em vez de inibir, a degradação geral que nos conduziu até as portas do impeachment.

A guerra, presidente, é pela restauração da esperança nacional. É pela devolução da confiança no governo de um país continental, populoso e economicamente relevante.

A segunda lição a aprender é dolorosa e preconiza uma transformação ascética a que poucas lideranças aceitariam submeter-se. Os remédios e os quadros necessários para conduzir os assuntos públicos daqui para a frente estão do outro lado da rua, na franja do PMDB subitamente convertida ao liberalismo e no PSDB.

Dilma pode resistir de braços dados com o PT, mas não vai evitar que a agenda desses adversários se imponha, mais cedo (pelo impeachment) ou mais tarde (pelas derrotas do petismo nas eleições e nos tribunais).

Enquanto durar a resistência dessa maneira, a presidente submeterá as finanças públicas e a economia a doses extras e desnecessárias de sofrimento.

Alternativamente, Dilma Rousseff pode, imbuída de profunda humildade e genuína autocrítica, atravessar a rua e propor um governo de coalizão, para começar já, com os melhores quadros daqueles grupos hoje seus rivais, abraçando diretrizes definidas no programa antipetista "Ponte para o Futuro", lavrado pelo peemedebismo em torno de Michel Temer.

Neste caso, como antídoto para os efeitos colaterais da "despetização" do governo, Dilma Rousseff terá na manga a carta da renúncia, tudo o que Lula e o PT não desejam.

Como a presidente pôde perceber nesta semana, seu partido e seu padrinho não estão preocupados com a sua deposição, mas sim com a narrativa da queda: haverá de ser pela via do impeachment, para produzir uma mártir e um discurso oposicionista que ajudem a evitar o fratricídio da legenda durante a travessia do deserto, que se aproxima no horizonte.

Dilma não precisa caminhar docemente para a pedra sacrificial como um cordeiro de Lula. Basta erguer a cabeça, perceber para onde está navegando o transatlântico brasileiro e tentar incluir-se, ainda com certo protagonismo, nessa mudança histórica de curso.   notícias de são josé do belmonte,  politica de são josé do Belmonte, Belmonte política, Belmonte notícias,polícia Belmonte, polícia são José do belmonte, política de são José do Belmonte, são José do Belmonte, Belmonte, belmonte noticias blog, belmonte noticias 190,blogs de são Jose do Belmonte, blogs de são José do Belmonte, são José do Belmonte, tribuna Belmonte, tribuna belmontense,


VOLTE À PÁGINA INICIAL






Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

Quem somos

O Tribuna Belmontense é um blog de divulgação de notícias locais e regionais sobre os mais diversos assuntos de interesse geral.

Agradecemos sua visita. Volte Sempre :)

Twitter

Copyright © Tribuna Belmontense - São José do Belmonte - PE

Design por