28 de agosto de 2015

Aves de rapina são soltas em área de conservação ambiental em Salgueiro


De segunda (24) até essa quarta-feira (26), o Centro de Conservação e Manejo de Fauna da Caatinga (Cemafauna) realizou a soltura monitorada de três aves de rapina, que estavam em reabilitação no Centro de Triagem de Animais (CETAS). Voltaram ao seu habitat natural um carcará e dois gaviões carijós, reabilitados graças ao trabalho realizado por biólogos, veterinários e estagiários do Centro.
Estudante do curso de Medicina Veterinária da Universidade Federal do Vale do São Francisco (Univasf), o estagiário Lucas Cabral desenvolve a falcoaria há mais de um ano no Cemafauna para reabilitação de aves que muitas vezes chegam debilitadas ou até mesmo as que foram criadas em cativeiro e têm musculatura atrofiada.

“O principal objetivo da falcoaria é devolver ao animal a sua condição inicial na natureza, para que assim haja o equilíbrio. Fico feliz em ver que a ave está totalmente recuperada e pronta para sua reintrodução. Além disso, nós também desenvolvemos a conscientização ambiental de crianças, jovens e adultos, através de atividades educativas no Museu de Fauna da Caatinga”, explica Lucas.
Atualmente o CETAS está cuidando de 30 aves de rapinas (corujas, gaviões, águias e falcões). O processo de reabilitação pode levar de quatro a cinco meses para as aves que nunca tiveram vida livre e de dois a três meses para as que já viviam na natureza. Blog Alvinho Patriota



VOLTE À PÁGINA INICIAL





Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

Quem somos

O Tribuna Belmontense é um blog de divulgação de notícias locais e regionais sobre os mais diversos assuntos de interesse geral.

Agradecemos sua visita. Volte Sempre :)

Twitter

Copyright © Tribuna Belmontense - São José do Belmonte - PE

Design por