27 de maio de 2015

PF prende mafioso italiano condenado por 20 homicídios

Pasquale Scotti, líder da máfia italiana, é preso no Recife(PF/Reuters)

Chefe da Camorra Napolitana, Scotti Pasquale foi condenado à prisão perpétua pela Justiça da Itália em 1991 e estava foragido há 29 anos

Uma ação conjunta da Polícia Federal e da Interpol prendeu nesta terça-feira, em Recife (PE), o chefe da máfia Camorra napolitana, da Itália, procurado há quase trinta anos. Scotti Pasquale, que no Brasil utilizava o nome falso de Francisco de Castro Visconti, foi condenado à prisão perpétua pela Justiça italiana em 1991 por mais de vinte homicídios. Ele estava foragido desde 1986.

Hoje com 56 anos, o italiano se apresentava como empresário em Recife. Segundo a PF, ele tinha até mesmo cadastro falso de pessoa física (CPF) e título de eleitor no Brasil. A identificação foi feita por meio das impressões digitais.

Os crimes cometidos pelo chefe da Camorra napolitana ocorreram entre 1980 e 1983. Além dos assassinatos, ele é condenado por porte ilegal de armas de fogo, extorsão e resistência.

O Supremo Tribunal Federal (STF) determinou a prisão de Pasquale após o pedido formal da Interpol. O Ministério da Justiça da Itália deve iniciar as formalidades para o processo de extradição de Pasquale.



VOLTE À PÁGINA INICIAL






Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

Quem somos

O Tribuna Belmontense é um blog de divulgação de notícias locais e regionais sobre os mais diversos assuntos de interesse geral.

Agradecemos sua visita. Volte Sempre :)

Twitter

Copyright © Tribuna Belmontense - São José do Belmonte - PE

Design por