18 de março de 2015

Avião que caiu em Quixaba era irregular e criminoso, diz blogueiro

O avião foi adquirido em leilão na cidade de São Paulo e pertencia a traficantes.



O monomotor que caiu por volta das 15h00 do ultimo domingo 15, no Distrito de Lagoa de Cruz, município de Quixaba-PE com o extremo do município de Princesa Isabel-PB, trafegava clandestinamente, era irregular, criminoso e com piloto amador.
O Blog do nosso parceiro Cauê Rodrigues apurou e chegou ao verdadeiro dono da aeronave. Com a categoria de Registro Privada de Serviço Aéreos, com numero do certificado 7882, sem situação no RAB e com data de compra/Transferência em 09/01/15, porém o mais grave, com data de validade do CA em 12 de Julho de 2008.
1
No print ao lado verifique que a situação de Aeronavegabilidade está CANCELADO e que o motivo é *IAM Vencida. A consulta foi feita nesta segunda feira 16.
O caso é gravíssimo que se for denunciado a Policia Federal, os responsáveis deverão ser presos, desde a proprietária ao piloto, que não tem carteira da categoria e anteriormente apenas ultraleve.
O monomotor sobrevoava na tarde do domingo as cidades de Juru, Tavares, Princesa Isabel e o Distrito de Lagoa de Cruz como veiculo de passeio, cobrando taxas no valor de R$ 120,00 (Cento e vinte reais) por pessoa, quando em uma tentativa de pouso acabou perdendo o controle e caindo.
2
O Blog do Cauê Rodrigues ainda chegou ao nome de Sofia Barbosa Reis, de documento 142.546.578/11, se tratando que a aeronave é um CESSNA AIRCRAFT modelo 182P com numero de série 18263007 para pouso convencional e que suportaria apenas um total de 1.338 kilos e um numero máximo de apenas 03 passageiros.
Outras informações dão contas de que o monomotor já havia sido consertado três vezes durante o carnaval na cidade de Sousa, também na Paraíba onde o grupo oferecia passeios com tarifas.
O avião foi adquirido em leilão na cidade de São Paulo e pertencia a traficantes. Ainda achando pouco as irregularidades, o avião foi pintado com uma nova cor e uma faixa amarela cobria o numero do prefixo da aeronave, se tornando crime federal. Este monomotor tem o Prefixo original PT-JUJ. Durante a queda apenas um passageiro e o piloto estavam na aeronave, mas tiveram apenas ferimentos leves.
avião
A dona do avião é natural de Guarapari, no Estado do Espirito Santo, se consagra empresária fazendo esse tipo de vôos clandestinos no Estado da Paraíba, estado praticamente sem fiscalização. É proprietária de dois aviões do mesmo modelo que fazem vôos panorâmicos sem autorização da Aeronáutica e nem da Força Aérea Brasileira -FAB.
A outra aeronave de prefixo PT-CQR se envolveu em um acidente a dois anos na cidade de Solânea, sertão da Paraíba, porém com outro piloto. O grupo que estava prestando estes serviços na região é na cidade de João Pessoa para onde já se deslocaram. Estes documentos foram extraídos do Registro Brasileiro de Aeronaves – RAB.( Nayn Neto).




VOLTE À PÁGINA INICIAL



Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

Quem somos

O Tribuna Belmontense é um blog de divulgação de notícias locais e regionais sobre os mais diversos assuntos de interesse geral.

Agradecemos sua visita. Volte Sempre :)

Twitter

Copyright © Tribuna Belmontense - São José do Belmonte - PE

Design por